Certificações

As certificações colocadas nos rótulos dos produtos ajudam a perceber quais as marcas que melhor se adequam ao que procura. Por ex., sabe que um produto com certificação Vegan não inclui na sua produção nenhum ingrediente de origem animal ou que um produto com a certificação do BDIH não contém, necessariamente, parabenos, parafinas e outros ingredientes de origem petroquímica.

Fique a conhecer as certificações que vai encontrar nos rótulos dos produtos à venda no Terraço da Cotovia.

BDIH – os cosméticos certificados pelo BDIH não possuem fragrâncias e corantes sintéticos, silicones, parafinas e outros produtos petrolíferos, etc.

Saiba mais em www.kontrollierte-naturkosmetik.de

 

Cosmebio – nasceu em 2002 de uma parceria entre dez laboratórios cosméticos decididos a estabelecer uma Carta para a fundação de uma indústria de cosméticos ecológicos e naturais que usam ingredientes de agricultura biológica. Para obter a certificação “Bio” da Cosmebio, o produto tem de ter um mínimo de 95% de ingredientes de origem natural, 95% dos ingredientes vegetais de origem biológica e 10% de todos os ingredientes de agricultura biológica.

Saiba mais em www.cosmebio.org

 

Ecocert – a certificação Ecocert garante que os produtos não possuem ingredientes poluentes, geneticamente modificados, parabenos, fenoxietanol, PEG, perfumes sintéticos, corantes, etc. Para obter a certificação “organic cosmetic” da Ecocert, o produto tem de ter um mínimo de  95% de ingredientes de origem natural, 95% dos ingredientes vegetais de origem biológica e 10% de todos os ingredientes de agricultura biológica.

Saiba mais em www.ecocert.com

 

Fairtrade International – Organização que visa o comércio justo entre produtores e comerciantes, como entre empresas e consumidores, promovendo uma justa distribuição dos lucros, condições de trabalho decentes e uma produção sustentável.

Saiba mais em http://www.fairtrade.net/

 

ICEA – os cosméticos certificados pelo ICEA não possuem ingredientes geneticamente modificados (GMO), PEG, derivados sintéticos do alumínio e do silicone, etc.

Saiba mais em www.icea.info

 

Leaping Bunny – o programa Leaping Bunny assegura que os produtos não foram testados em animais em nenhuma fase do seu desenvolvimento (nem pela empresa, nem por laboratórios, nem por fornecedores).

Saiba mais em www.gocrueltyfree.org

 

Soil Association – para que um cosmético obtenha a certificação biológica da Soil Association tem de ter um mínimo de 95% de ingredientes biológicos (excluindo água). Com um mínimo de 70% de ingredientes biológicos o produto obtém a certificação “feito com xx% de ingredientes biológicos”.

Saiba mais em www.sacert.org

 

USDA – para que o logótipo USDA biológico possa constar na embalagem de um produto, esse produto deve conter um mínimo de 95% de ingredientes biológicos (excluindo água e sal). Com um mínimo de 70% de ingredientes biológicos o produto obtém a certificação “feito com xx% de ingredientes biológicos”.

Saiba mais em www.usda.gov

 

Vegan society – a certificação Vegan é colocada em produtos que não contêm ingredientes de origem animal.

Saiba mais em www.vegansociety.com